Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Câmara / Notícias / Sessão marca encerramento do Parlamento Jovem de Marechal Rondon em 2022

Sessão marca encerramento do Parlamento Jovem de Marechal Rondon em 2022

por Cristiano Marlon Viteck publicado 25/11/2022 11h25, última modificação 25/11/2022 11h22
Projeto envolveu alunos do colégios cívico-militares
Sessão marca encerramento do Parlamento Jovem de Marechal Rondon em 2022

Plenário lotado

 

Aconteceu na manhã de hoje (25), no Poder Legislativo de Marechal Cândido Rondon, sessão ordinária que marcou o término das atividades deste ano do Parlamento Jovem, que envolveu exclusivamente estudantes dos Colégios Cívico-Militares Frentino Sackser e Marechal Rondon. Membros da direção dos educandários, professores e estudantes acompanharam os trabalhos no plenário.

Os vereadores mirins apresentaram requerimentos e indicações, votaram dois projetos de lei, fizeram uso da tribuna e se manifestaram no espaço das comunicações parlamentares, tal qual é realizado pela Câmara de Vereadores.

O Parlamento Jovem é uma ação de iniciativa do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR), e no município foi realizado em parceria com o Poder Legislativo, sob coordenação do vereador João Eduardo dos Santos (Juca).

Histórico

Após processo eleitoral ocorrido no primeiro semestre em cada um dos educandários, os eleitos foram empossados como vereadores mirins no último mês de agosto.

A mesa diretora da legislatura teve como presidente Moises Samir Otto, do Colégio Frentino Sackser; e primeira-secretária Juliele Rosa Lopes Neves, do Colégio Marechal Rondon.

Os demais vereadores mirins pelo Colégio Frentino Sackser foram: Sabrina Rosssaci Santos, Alejandro Grutzmann Kuntz, Alquinder Olegário da Silva, Zidane Wendel da Silva Fruet,

Keiliane Hahn José e Luiz Henrique dos Santos Ferreira.

Os suplentes do educandário foram: Wellington Rafael Rohde, Eduarda Albrecht e Eduardo Lucas Correa.

Pelo Colégio Marechal Rondon formaram o Parlamento Jovem os vereadores mirins: Erick Nathan Olegario da Silva de Souza, Gabriel Henrique da Silva de Moura, Juliele Rosa Lopes Neves, Isabely Lutkmeyer Garcia Silva, Natália da Silva Antes e Iara de Almeida.

Os suplentes foram: Guilherme Felipe Coutinho, Camilly Araújo e Ellen Hachmann.

Segundo o vereador Juca, o Parlamento Jovem oportuniza aos estudantes conhecerem melhor a divisão dos três Poderes do Estado, em especial o Legislativo, debater problemas da comunidade e deliberar sobre sugestões de possíveis soluções com o intuito de promover maior formação política aos alunos da rede de ensino.

“A vivência prática é diferente. O aluno vir à Câmara, falar na tribuna e mostrar suas ideias é uma oportunidade de aprender. O nosso objetivo é esse: ter o maior número de jovens possível para levar esses ensinamentos adiante”, declarou Juca.

Câmara Jovem

Em paralelo ao Parlamento Jovem, está em desenvolvimento no Poder Legislativo o projeto Câmara Jovem, que envolve alunos do Ensino Fundamental e Médio, e que também simula a atividades legislativa.

Segundo Juca, o encerramento das atividades será em 1º de dezembro, sendo retomadas em fevereiro e se estendendo até julho de 2023, quando será encerrada a atual legislatura da Câmara Jovem, empossada em agosto deste ano.

CARTA DE SERVIÇOS

ACESSO À INFORMAÇÃO
REDES SOCIAIS

TV LEGISLATIVA

TRANSPARÊNCIA

BANCO DE IDEIAS LEGISLATIVAS

CÂMARA JOVEM